Tipos de transmissões físicas de dados:

  • Quanto ao número de bits transmitidos em simultâneo

• os bits são agrupados em conjunto ou sequências, que
podem ir desde um simples byte até um pacote de
milhares de bytes (PACOTES).
• Relacionado com o número de bits transmitidos em
simultâneo de um computador para outro:
– paralelo: vários bits ao mesmo tempo;
– série:transmissão bit a bit.

  • Quanto ao sentido em que a informação pode ser transmitida

Relacionado com os sentidos em que a informação pode
ser transmitida através de um canal e entre emissores e
receptores:
– simplex: transmissões efectuadas num só sentido.
Ex.: emissão de rádio;
– half-duplex: transmissões nos dois sentidos
(alternadamente). Ex.: rádios amadores;
– full-duplex: transmissões nos dois sentidos
(simultâneamente). Ex.: telefones.

  • Quanto à quantidade de emissores e receptores

bus: transmissões tipo broadcast;
ponto-a-ponto: transmissão de um nó para outro;
anel: transmissão semelhante à da topologia física;

  • Quanto à largura de banda

Banda Base ou Baseband

Banda Larga ou Broadband

  • Quanto ao sincronismo emissor-receptor

Existem então dois tipos de transmissão:

  • A ligação assíncrona, na qual cada carácter é emitido de maneira irregular no tempo (por exemplo, um utilizador que envia em tempo real caracteres introduzidos no teclado). Assim, imaginemos que só uma bit é transmitida durante um longo período de silêncio… o receptor não poderia saber se se trata de 00010000, ou 10000000 ou ainda 00000100…
  • A ligação sincrónica, na qual emissor e receptor são sincronizados pelo mesmo relógio. O receptor recebe continuamente (mesmo quando nenhuma bit é transmitida) as informações ao ritmo em que o emissor as envia. É por isso é necessário que emissor e receptor estejam sincrfonizados à mesma velocidade. Além disso, informações suplementares são inseridas para garantir a ausência de erros aquando da transmissão.